Sesc Pinheiros expõe 28 pranchas de surfe penduradas por fios de náilon

Lembra-se dos caiaques que, em outubro, apareceram no Rio Pinheiros? E das barracas de acampar instaladas no esqueletão da Avenida Doutor Arnaldo em 2004? O artista plástico paulistano Eduardo Srur agora ataca no Sesc Pinheiros (Rua Paes Leme, 195, Pinheiros, Tel. 3095-9400). Desde o início do mês, 28 pranchas de surfe de cores e formatos diferentes estão ali, dependuradas por fios de náilon. E não se limitam ao espaço de exposições. “Quis conduzir o olhar do espectador para as piscinas, por isso várias das pranchas sobrevoam quem está nadando”, explica Srur. Chamada de Surf-ar, a instalação demorou quase dois meses para ficar pronta.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s