Salão Nobre do Palácio da Justiça com exposição sobre Revolução de 32

Sob este teto ocorrem posses de magistrados, eleições do judiciário paulista e outras solenidades. Com 308 metros quadrados, o Salão Nobre do Palácio da Justiça é a ala mais visitada da sede do Tribunal de Justiça de São Paulo (Praça da Sé, s/nº). Seus vitrais trazem figuras que representam as quatro virtudes da Justiça: temperança, paz, verdade e esperança. No parapeito, fica um relógio de parede movido a corda. Durante este mês, quem for ao prédio projetado pelo arquiteto Ramos de Azevedo (1851-1928) e inaugurado em 1933 pode conferir, no Salão dos Passos Perdidos, uma exposição de fotos e objetos que lembram a Revolução Constitucionalista de 1932. Informações pelo telefone 3107-6687

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s