Roger Abdelmassih, o foragido

Médico condenado a 278 anos de detenção sumiu no mês de janeiro

Apontado durante anos como um dos grandes nomes da reprodução assistida no Brasil, Roger Abdelmassih tem no currículo mais de 7.000 bebês trazidos ao mundo. Infelizmente, para quem frequentava seu consultório, não é só isso.

+ Paulistanos que deram o que falar

+ A vida na penitenciária do Tremembé

Também constam em sua ficha (a policial) acusações de 56 estupros e tentativas de abusar sexualmente de 39 pacientes, pelas quais foi condenado a 278 anos de detenção. O médico é considerado foragido pela Justiça desde janeiro, quando foi ordenada sua prisão — o alerta vermelho soou quando ele deu entrada com a documentação para renovar seu passaporte.

Não adiantou nada: Abdelmassih sumiu e suspeita-se que esteja morando no Líbano ao lado da mulher, a advogada Larissa Maria Sacco, com quem teria concebido filhos gêmeos durante o período no exterior.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s