Retalho Fashion vai implantar coleta seletiva de resíduo têxtil

Para concretizar o programa, catadores de rua que atuam na região central serão capacitados

Antes despachadas direto para o lixo, 12 toneladas de resíduos têxteis produzidas diariamente no Bom Retiro, sede de 1.200 confecções, vão virar mantas, barbantes, fios…

+ Conheça histórias de vidas que mudaram com a reciclagem

A ótima iniciativa surgiu do recém-lançado projeto Retalho Fashion, que pretende implementar um programa de coleta seletiva do material descartado, de início, somente na região central.

“Estamos cadastrando os catadores de rua que atuam por ali para capacitá-los”, afirma Alfredo Bonduki, presidente do Sinditêxtil-SP, que desenvolve a ideia com apoio do Senai e da prefeitura.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s