Pavilhão Japonês do Parque Ibirapuera será reaberto

Reforma que durou três semanas e utilizou mais de 5 toneladas de madeira deu nova cara ao espaço

No Parque do Ibirapuera, uma construção surge em meio às árvores como se o visitante tivesse sido transportado para Kyoto. Erguido em 1954, na mesma época da inauguração do complexo paisagístico da Zona Sul, o Pavilhão Japonês foi concebido pela colônia nipônica no quarto centenário da cidade de São Paulo, para representar o laço entre a cultura brasileira e a japonesa. No último mês, o prédio passou por uma grande e surpreendente rápida reforma, realizada em apenas três semanas.

+ Parque Ibirapuera está entre os locais mais clicados do mundo

A agilidade é resultado de uma técnica oriental: as mais de 5 toneladas de madeira utilizadas no projeto chegaram ao país presas em encaixes. Três mestres carpinteiros japoneses, da empresa Nakashima Komuten, responsável pela obra, montaram as estruturas. Com previsão de reabertura para quarta (6), o pavilhão integra um extenso jardim de cerejeiras e bonsais, usado como retiro de paz dentro da metrópole.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s