Polícia prendeu 21 pessoas durante a greve geral

As informações são da Secretaria da Segurança Pública de São Paulo

A Secretaria da Segurança Pública (SSP) do Estado de São Paulo afirmou na noite desta sexta (28) por meio de nota, que 21 pessoas foram levadas para delegacias da capital e Grande São Paulo até o fim da tarde de sexta, em decorrência de protestos.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) afirmou que um grupo de manifestantes voltou a ocupar a Avenida Paulista, sentido Paraíso, junto à rua Pamplona, após a via ter sido liberada.

Perto da casa do presidente Michel Temer, no Alto de Pinheiros, Zona Oeste, havia uma festa de casamento ao lado da confusão entre manifestantes e policiais militares.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s