Museu de Arte Sacra descobre duas múmias

Uma sala de 27 metros quadrados tornou-se o centro das atenções no Museu de Arte Sacra, no Mosteiro da Luz. Na terça, a direção anunciou a descoberta de duas múmias ao escavar uma parede para encontrar um foco de cupins. Explica-se: até 1822, os enterros das religiosas do convento eram realizados ali. “Sabíamos da existência dos túmulos, mas ficamos surpresos ao encontrar os corpos mumificados”, diz Mari Marino, diretora do museu. A mulher à direita na foto pode ser considerada uma ex-múmia. “Os cupins devoraram quase todo o tecido do corpo. Só restou o esqueleto”, explica o antropólogo e historiador Sérgio Monteiro da Silva, que coordena a equipe de pesquisadores. O próximo desafio é saber se existem mais múmias na sala. Há outros túmulos nas paredes e no chão.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s