Metroviários podem entrar em greve

Sindicato da categoria se reuniu nesta quinta (14) e decidiu entrar em estado de greve. Paralisação será definida em nova assembleia

O Sindicato dos Metroviários de São Paulo decidiu nesta quinta-feira (14) entrar em estado de greve. A categoria cobra nova proposta de reajuste salarial e afirma que, após três reuniões com a Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô), as reivindicações não foram atendidas.

+ Quatro pessoas ficam feridas em rebelião na Fundação Casa

Os trabalhadores pedem aumento de 17%, além de solicitarem a reintegração dos funcionários demitidos na greve de 2014. Por outro lado, a empresa oferece reajuste de 7,21%.

+ Sem chuvas, reservatórios registram queda

A próxima assembleia da categoria está marcada para o dia 20 de maio, quando poderá ser decidido se haverá paralisação ou não das atividades. Procurado, o Metrô informou que mantém as negociações abertas. (Com Estadão Conteúdo)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s