Mera coincidência: semelhança entre José Serra e personagem de tela

Prefeito por quatro dias – Gilberto Kassab viajou para a Europa na quarta e sua volta estava marcada para o sábado –, o presidente da Câmara, Antonio Carlos Rodrigues, do PR, mal chegou ao gabinete e já fez uma piadinha. Tudo por causa da tela Fundação de São Paulo, de Antônio Parreiras, ali exposta. “Quando vi, achei o padre a cara do José Serra”, afirma. “É que foi pintado em 1913. Se fosse atual, teria certeza de que o governador serviu de inspiração.” O prefeito interino se diz admirador de Serra, que há um ano dava expediente lá mesmo, no Edifício Matarazzo. “Estou despachando de uma mesa que fica em frente ao quadro”, conta Rodrigues. “Olho e penso no Serra. Quem sabe ele me dá uma luz.” Sobre a semelhança, o governador desconversa: “Nunca reparei”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s