Médico é agredido por negar atestado médico a paciente

Em depoimento, ele disse que o agressor não tinha nenhum sintoma que justificasse a dispensa

Um médico foi agredido depois de negar atestado médico a um paciente em um pronto-socorro em Santa Bárbara do Oeste, a 139 quilômetros da capital. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Rodrigo da Rocha Recchia deu alta ao paciente depois do atendimento. Pouco depois, o homem invadiu um espaço privativo e exigiu que Recchia assinasse um atestado porque havia faltado no trabalho. Ao ouvir a negativa, ele ameaçou o médico de morte e, ao ser levado por ele para fora do hospital, lhe deu um soco na boca

A confusão aconteceu por volta das 14h30 desta quinta (13) no pronto-Socorro Dr. Édson Daniel dos Santos Mano. Em depoimento, ele disse que o agressor não tinha nenhum sintoma que justificasse a dispensa. Recchia tentou reagir, mas foi atingido por outros dois socos.

O paciente não foi identificado.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s