Médica grávida morre em incêndio no Brooklyn

Fogo começou de madrugada, quatro outras pessoas da família sobreviveram

A médica Loretta Di Giunta, de 40 anos, que estava grávida de três meses, morreu em um incêndio na casa de sua família na madrugada deste domingo (29). Além dela, outras quatro pessoas estavam na residência, mas todos sobreviveram. Seus pais, um médico de 73 anos e uma assistente social de 67, foram levados com ferimentos para o Hospital São Paulo e permanecem internados.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o fogo começou por volta de 1h30 no andar térreo da casa, que fica no Brooklyn, na Zona Sul de São Paulo. Os bombeiros arrombaram portas e grades de ferro nas janelas para resgatar as cinco pessoas que estavam no andar. O irmão da vítima, de 33 anos, e uma mulher de 27 não tiveram nenhum ferimento. O Instituto de Criminalística vai periciar o local para descobrir a causa do incêndio.

 

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s