Leilão Memória Brasileira expõe 300 peças; 100 delas têm lance livre

No dia 25, quatro colecionadores de antiguidades vão promover o leilão Memória Brasileira, no Jardim Paulista (Tel. 3086-0005). São 300 peças, entre livros, fotos, documentos e revistas. Um terço delas terá lance livre. “O mercado vai dizer quanto elas valem”, diz Fernando Fernandez, um dos organizadores. Veja alguns dos exemplos

Disco da campanha à Presidência de Jânio Quadros, de 1960, com o mote musical “varre, varre, vassourinha”. Acompanha uma miniatura de vassoura de palha. Lance livre

Cartaz de propaganda original da Emulsão de Scott – o famoso e temido fortificante à base de fígado de bacalhau – que os farmacêuticos colavam nas paredes. Lance mínimo: 300 reais

A peça mais cara do leilão é um livro com gravuras originais do pintor catalão Joan Miró. Lance mínimo: 15 000 reais

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s