Doria é hostilizado em bloco de rua e reage de forma inusitada

Ao ser confrontado, o prefeito de São Paulo ironizou o PT e o ex-presidente Lula: "Viva o Lula, viva o José Dirceu, viva o PT, viva a corrupção", disse

Após varrer a avenida no Carnaval nesta sexta (24), o prefeito de São Paulo João Doria optou por aproveitar a festa no popular bloco Pasmadinho, realizado em Pinheiro na tarde deste sábado (25). Ao chegar à festa, no entanto, foi hostilizado por parte dos foliões e respondeu ironicamente citando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. As informações são do G1.

Ao chegar ao bloco de rua, Doria ouviu as primeiras manifestações negativas e falou que os presentes eram da “turma do Lula”. Ao se aproximar de um jovem que falava “Fora Doria”, o prefeito disse: “Viva o Lula, viva o José Dirceu, viva o PT, viva a corrupção“. O folião que começou a provocação responder: “Não tem nada a ver o Lula. O problema é você“, disse. Assista: 

João Doria ainda encontrou um rapaz que fazia uma paródia de sua luta contra os pichadores de São Paulo. O folião usava um rolo de pintor e pintava uma fantasia de muro pichado usado por uma jovem. Além das palavras hostis, o prefeito também recebeu cumprimentos e palavras de apoio.

Após a hostilização, porém, Doria decidiu abreviar sua presença no bloco de rua e foi embora. Ele ficou por cerca de meia hora no Pasmadinho. “Faz parte. Tudo é carnaval, faz parte. Eu respeito muito o pessoal do PT, os lulistas e dilmistas, não tem problema nenhum, faz parte do jogo“, afirmou ao G1.

Esta não é a primeira vez que João Doria cita o ex-presidente Lula. Antes de ir ao bloco Pasmadinho, o prefeito esteve em mais uma edição do programa Cidade Linda e plantou mudas de árvore no Grajaú, na Zona Sul de São Paulo. Ao plantar um pau-brasil, o político afirmou que se tratava de uma homenagem ao ex-presidente: “Como sempre, eu dedico essa muda de pau-brasil ao maior cara de pau do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva. Que nunca trabalhou, e só saber fazer é reivindicar, reclamar, ao invés de trabalhar“, afirmou.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. José Carlos Lopes de Oliveira

    “A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.”
    ENTÃO NÃO CENSUREM, SEUS BANANAS. LUGAR DE COVARDES NÃO É NO JORNALISMO, É DEBAIXO DA CAMA.

  2. Lago Gonçalves

    Impressionante a cara de pau, o mau caratismo destes petralhas: Desgovernos Lula,Dilma,PT foram catastróficos para o país e tornaram a corrupção verdadeira epidemia que atingiu todas as áreas da adm.pública. LULA/DILMA/PT NUNCA MAIS!