O Brasil de Jean-Baptiste Debret e Charles Landseer

Mostras em cartaz dos pintores francês e inglês revelam cenas do Brasil no século XIX

Em uma coincidência de rara relevância no cenário artístico da cidade, duas mostras em cartaz revelam o Brasil do século XIX sob a ótica de dois estrangeiros. A Caixa Cultural do Conjunto Nacional apresenta sessenta desenhos e aquarelas do francês Jean-Baptiste Debret (1768-1848), conhecido do público brasileiro pela radiografia do dia a dia da corte no Rio de Janeiro. Aluno de Jacques-Louis David (autor da célebre tela “Marat Assassinado”), Debret chegou ao país em 1816 e permaneceu aqui por quinze anos. As obras da montagem, oriundas do acervo do colecionador Raymundo Ottoni de Castro Maya (1894-1968), trazem as indefectíveis crônicas do cotidiano imperial — cortejos fúnebres, celebrações oficiais e até uma barbearia. O centro da montagem está nas peças realizadas durante uma expedição aos estados de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, em 1827, acompanhando uma comitiva do imperador dom Pedro I. Concentram-se nesse corte paisagens, com destaque para os belos horizontes de Taubaté e Florianópolis (então chamada Nossa Senhora do Desterro).

No Instituto Moreira Salles, por sua vez, está hospedada uma retrospectiva do inglês Charles Landseer (1799-1879). Os 92 trabalhos da exposição — também aquarelas e desenhos, além de óleos — foram feitos entre 1825 e 1826 em Portugal e no Brasil. Com apenas 25 anos, Landseer viajou junto de uma missão diplomática chefiada por Charles Stuart, que, ao fim do percurso, confiscou toda a sua produção. O traço delicado do londrino surpreende nos registros de praias e, sobretudo, da dura vida dos escravos nas cidades, inclusive em cenas de surra de chicote em público.

 

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s