Gustavo Borges vai abrir centro aquático na África do Sul

No Brasil, o medalhista olímpico de 38 anos já possui cinco academias

Um dos maiores medalhistas olímpicos brasileiros de todos os tempos, Gustavo Borges, de 38 anos, comanda hoje cinco centros aquáticos próprios e criou uma metodologia de ensino presente em 180 academias do país. Agora, ele se prepara para dar uma braçada ainda maior. “Vou expandir o negócio para a África do Sul”, conta.

A empreitada é fruto da parceria com um ídolo desse país, o também ex-nadador Ryk Neethling, medalha de ouro no revezamento 4 x 100 metros livres na Olimpíada de Atenas. No fim do mês, uma equipe de estrangeiros virá fazer workshops com Borges por aqui para iniciar o trabalho.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s