Grafites em São Paulo

Eles estão por toda parte, nos muros mais altos e também nos túneis que serpenteiam o subsolo paulistano. Quem caminha com pressa não os percebe. Com um olhar mais atento, no entanto, fica fácil distinguir as cores dos grafites que vibram em meio ao cinza das ruas. Confira no mapa abaixo onde estão as intervenções mais bacanas da cidade e quem são os artistas que fazem da metrópole uma galeria a céu aberto.

1/8
O painel pode ser observado sob as plataformas da Estação ( / Arte na Estação da Luz)
2/8
O vinagre é produzido no depósito do próprio restaurante ( / Passagem secreta no restaurante Rubaiyat)
3/8
Há espaço para os mais variados tipos de manifestação artística ( / Arte no subsolo do Masp)
4/8
O Centro Cultural Banco do Brasil abriga um cofre no subsolo ( / Tesouro debaixo do CCBB)
5/8
É possível visitar a cripta da Catedral da Sé e a Tibiriçá ( / Criptas no centro)
6/8
O artista plástico Zezão transforma canais de esgoto, galerias pluviais e até a passagem subterrânea na entrada do Estádio do Pacaembu em tela ( / Grafites do Zezão)
7/8
Para alguns restaurantes o charme é ser reservado ( / Para comer e beber escondido)
Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s