Fábio de Melo e Marcelo Rossi: o duelo de fé

Os dois religiosos trocaram algumas farpas em 2011

“Padres Fábio de Melo e Marcelo Rossi se descuidam e deixam desentendimento à mostra” poderia ser a manchete de algum site de fofocas para a confusão protagonizada pelos religiosos em setembro passado. E o pior: a chamada resumiria bem o que os dois andaram aprontando.

+ Conheça os paulistanos que deram o que falar em 2011

+ Padre Fábio de Melo grava DVD no Teatro Abril

Em entrevista ao “Jornal da Tarde”, Rossi verbalizou a vergonha alheia que sentia pelo irmão de fé: “Não concordo com o padre Fábio de Melo, sempre falei isso. Ele se expõe demais e fala besteiras para algumas meninas nos shows”. E ainda criticou o que considera uma glamourização que Melo faz no papel de padre-galã. “Falei disso para ele uma vez. Como não tive uma resposta positiva, eu respeito, deixo que ele seja abençoado. Ele faz outro tipo de trabalho, cobra cachê. Eu não faço isso.”

Fábio de Melo, por sua vez, não resistiu à réplica e botou mais vinho no cálice da discórdia: “Não somos amigos. Se precisar falar com ele, nem sei como encontrá-lo!”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s