O conde do lápis Faber-Castell

Proprietário da empresa que leva seu sobrenome vai comemorar oito décadas de atividade no Brasil

Você pode nunca ter ouvido falar no nome do conde alemão Anton Wolfgang von Faber-Castell, mas a probabilidade de ter feito algum rabisco com os produtos dele é alta. Proprietário da empresa de lápis que leva seu sobrenome, ele chega ao país todo sorrisos. Em jantar para vinte convidados em um antiquário, vai comemorar oito décadas de atividade no país com o lançamento Caneta do Ano 2010 — feita de ouro de 24 quilates e madeira caucasiana. Só cinco vão desembarcar em São Paulo. “Nosso mercado premium tende a crescer por aqui”, diz o conde bilionário, que viaja em avião de carreira e dispensa objetos pessoais bordados com o brasão da sua família. “ Isso não condiz com o mundo moderno. Precisamos ser práticos.”

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s