O retorno do maestro Diogo Pacheco

Ele volta aos palcos em parceria com o também regente José Carlos Martins

O Teatro Bradesco, no Bourbon Shopping, recebe na terça (22) o maestro Diogo Pacheco, um dos ícones da música erudita paulistana. Afastado dos grandes concertos há oito anos por problemas de saúde, ele volta aos palcos em parceria com o também regente José Carlos Martins para uma apresentação, com ingressos esgotados, de temas de Mozart e Puccini. Pacheco, hoje com 86 anos, viveu o auge da carreira nas décadas de 60 e 70 e foi um dos responsáveis pela popularização do gênero na cidade, com ações como a de baratear o preço dos ingressos do Teatro Municipal, quando coordenou a temporada de óperas. “Minha melhor lembrança é a de ter convidado a cantora Elizeth Cardoso para interpretar Villa-Lobos no Municipal”, conta, referindo- se à noite de 16 de novembro de 1964. Quatro anos depois, o maestro integraria a equipe que lançou a revista VEJA, na qual escreveu críticas durante alguns anos.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s