Brilho do Conservatório Dramático e Musical renasce após reforma

Completamente restaurado, o endereço abriu as portas após anos de degradação

O Conservatório Dramático e Musical, na Avenida São João, surgiu em 1906. Foi a primeira instituição do gênero na cidade. Entre os professores estavam nomes como o escritor Mário de Andrade, o maestro Luigi Chiaffarelli e o compositor Camargo Guarnieri.

A escola chegou a abrigar 2.000 alunos, instalados em 25 salas. Sua decadência veio na década de 40, quando ela deixou de ensinar instrumentos de corda e canto e se restringiu ao piano.

Nos anos seguintes, cupins e infiltrações tornaram a situação lastimável e o salão virou depósito. Ele começou a ser recuperado em 2009, como parte de um projeto maior, a Praça das Artes, concebida para abrigar os corpos artísticos do Teatro Municipal.

Completamente restaurado, o endereço abriu as portas na semana passada. Responsável pelo trabalho, o escritório Brasil Arquitetura instalou no salão a luminária Urucum, com 3.000 lâmpadas, fazendo renascer o brilho perdido há tempos.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s