Com minhocão como cenário, estreia Ensaio Sobre a Cegueira

Durante dois dias, 350 profissionais de cinema usaram o feioso Minhocão como cenário para representar uma cidade destruída e tomada por uma epidemia de cegueira, com doze carros abandonados pela via e muito lixo trazido em quatro caminhões. Que horror, não? A capital, onde mora o diretor Fernando Meirelles, foi a locação, no ano passado, de 70% das cenas externas de Ensaio sobre a Cegueira, longa baseado no best-seller de José Saramago que estréia na sexta (12). “A história se passa em uma cidade não determinada”, explica a co-produtora Bel Berlinck. “São Paulo foi escolhida por ser uma metrópole com enorme variedade arquitetônica, cultural e social.” Montevidéu, no Uruguai, e Guelph, no Canadá, também abrigaram algumas cenas, mas o destaque ficou por conta das imagens paulistanas. Entre elas, o Viaduto do Chá, a Rua Oscar Freire e o Vale do Anhangabaú.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s