Cinusp exibe mostra com Kubrick, Pasolini e outros grandes diretores

Títulos são exemplos do chamado cinema do distanciamento

Ao contrário do cinema clássico, que busca aproximar o protagonista do filme com o espectador, o chamado cinema do distanciamento se caracteriza por apresentar personagens enigmáticos, cujas razões e intenções são ocultadas da plateia. A partir de segunda (21), o Cinusp apresenta uma mostra de filmes baseada nessa premissa, com filmes de Stanley Kubrick, Pier Paolo Pasolini e outros grandes diretores.

A programação da Mostra Cinema do Distanciamento começa com “Os Contos de Canterbury” (1972), do polêmico Pier Paolo Pasolini (“Decameron”), baseado no poema homônimo de Geoffrey Chaucer e “O Medo Consome a Alma” (1974), de Rainer Werner Fassbinder. Também serão exibidos “Barry Lyndon”, épico dirigido por Stanley Kubrick em 1975, “O Dinheiro” (1983), de Robert Bresson e “A Menina Santa”, produção de Pedro Almodóvar com direção de Lucrecia Martel, entre outros títulos.

Todas as exibições são gratuitas. Clique aqui para ver a programação completa.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s