Alunos dão biscoito envenenado a professora na Bahia

Escola suspeita que o doce estivesse com chumbinho

A professora Edinalva Soares é professora do segundo ano da escola Educandário Santana Amorim, que fica na periferia de Salvador. Durante o  recreio da sexta-feira, 31 de outubro, três alunos com idade entre 7 e 8 anos lhe ofereceram o biscoito com chumbinho, um veneno para matar ratos.

+Transporte público tem reforço neste fim de semana para o Enem

+Vitórias de Fittipaldi e acidentes: as fotos históricas de Interlagos

Pouco tempo depois, Edinalva passou mal e precisou ser levada ao Hospital Roberto Santos, para fazer uma lavagem estomacal. Como a quantidade de veneno ingerida foi pequena, ela recebeu alta médica pouco depois, mas só deve voltar às aulas na próxima semana.

Segundo a direção da escola, as próprias crianças contaram que haviam colocado o veneno no biscoito logo após a professora ingeri-lo, mas ela só acreditou nos alunos quando começou a passar mal. O caso não foi registrado em delegacia, mas a instituição informou que afastou os estudantes e acionou o Conselho Tutelar. O órgão informou que vai ouvir os pais dos meninos envolvidos.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s