Publicidade

Postado em 03/06/2011 por | 24 comentários

Dez doces que marcaram os anos 80

Um objeto voador não-identificado atingiu a testa do técnico Muricy Ramalho, do Santos, no fim da partida contra o Cerro Porteño, na última quarta. Há quem jure, para irritação da torcida do alvinegro praiano, que foi um pirocóptero.

Este post não se propõe a desvendar tal mistério. É que, de tanto ouvir falar no tal pirocóptero, um dos hits infantis dos anos 80, fomos tomados por uma onda de nostalgia e lembramos um monte de doces famosos da época.

+ 10 brinquedos inesquecíveis dos anos 80
+ “Fica, Vai Ter Bolo”: o Tumblr e as piadas da internet

1. Pirocóptero

Comecemos pela “arma” que teria atingido Muricy. Tratava-se de nada mais que um pirulito que trazia uma hélice colorida no palito — daí o genial nome. A criançada consumia o doce e depois se esbaldava fazendo-o voar. Pirocópteros provaram que nem tudo que sobe desce: muitos caíam em telhados alheios e, como havia vários de cores iguais, provocavam confusão de gente querendo tomar o brinquedo alheio.

2. Bala Soft


Eu já engasguei com bala soft. Assim reagem onze entre dez pessoas que foram crianças na década de 80. Aliás, foi o primeiro prazer perigoso de muita gente dessa geração: colorida, enchia os olhos e era uma delícia, porém, entalava na goela muito facilmente.

+ Glossário: Dez expressões usadas no Twitter – parte 1
+ Glossário: Dez expressões usadas no Twitter – parte 2

3. Cigarrinhos de chocolate

Ah, bons tempos aqueles em que não existia o politicamente correto… Até os doces tinham formatos bizarros, caso dos inesquecíveis cigarrinhos de chocolate Pan. A diversão era imitar os pais fumando um chocolatinho — que, por sinal, era beeeem ruim.

4. Suco em formato de Fusca, frutas, revólver…

Duvidamos que alguém tenha se dado o trabalho de estudar a composição dos sucos “de fruta” que vinham dentro. Ainda bem, diga-se. Mas eis outro exemplo de doces pré-politicamente-corretos. A cara é péssima, mas a gente adorava. Depois de muito brincar de atirar nos amiguinhos, dava cabo do refresco colorido.

5. Minichicletes

Coloridos e deliciosos. Não precisa dizer mais nada para explicar o sucesso dos minichicletes Addams.

6. Ploc monsters

Pode ter certeza que muitos dentistas compraram casa de praia graças a doces como o chiclete Ploc Monsters. OK, pode ser que nem tivessem mais açúcar que a média. A questão era que a gente mascava caixas e caixas devido às figurinhas: eram imagens de monstros com nomes normais — uma mula de sete cabeças chamada, sei lá, Maria. Bastava aplicar numa superfície (um caderno, por exemplo) e raspar para tirar uma com a cara dos colegas.

+ Twitter: saias justas causadas por perfis falsos de famosos

7. Chocolate Surpresa

Hoje, num Brasil pós-Kinder Ovo, pode ser difícil entender a surpresa que havia nesse doce — ficou bem sem graça em comparação com os brinquedinhos do concorrente. Mas, para a criançada eighties, era um encanto. Cada barra continha um cartão com informações sobre determinado animal, que também aparecia em alto relevo no chocolate.

8. Dip n’ lik


Em inglês, o verbo “dip” é usado para comidas que são mergulhadas num molho antes de serem consumidas. Tipo nuggets em uma piscininha de barbecue, sabe? A gente fazia isso com o pirulito sem gosto que vinha no Dip n’ Lik: colocava-o num envelopinho cheio de uma espécie de açúcar com sabor de cereja, uva ou laranja. E viva a cárie!

9. Lanche do Fofão

Não satisfeito em assustar crianças em sua versão boneco, o Fofão resolveu se enfiar em nossas lancheiras da escola. O pacote continha uma versão mais pobrinha dos lanches Mirabel, biscoito wafer também onipresente da época.

10. Dadinho (também chamado de Gamadinho)

A embalagem metalizada fazia sucesso, o tablete de amendoim dentro também. E assim nasceu um ícone da década.

Comentários sobre "Dez doces que marcaram os anos 80"

  1. Sérgio Kucera comentou em 03/06/2011:

    Ah, que saudade! Mas não são só dos anos 80, não! Eu sou dos anos 90 e conheço quase todos!

    Saudades do chocolate Surpresa…
    Aquele suco horroroso dentro da embalagem de carrinho chamava a atenção pela cor e pelo carrinho. Grande engenho da publicidade. Nem se compara à de hoje. hehe

  2. Larissa Kussano comentou em 03/06/2011:

    Ai que delícia!! Acompanhei pelo twitter ontem e a Fiorentino arrasou na memória!! Eu amava o minichicletes, depois ficava com o maxilar doendo porque colocava tudo na boca, rs.
    E nem lembrava do chocolate Surpresa!!!!
    Beijos, adorei!

  3. Cris comentou em 04/06/2011:

    Só não conhecia o lanche do Fofão, os outros me deliciei com todos!

  4. ricardo comentou em 05/06/2011:

    fantastico!!! Saudade gigante de tudo isso. E o texto ta divertidissimo, parabens!!!

  5. Carlos comentou em 05/06/2011:

    A cada vez que vejo reportagens como essa reconheço que estou ficando velho…rs…

  6. Si comentou em 11/06/2011:

    A Nestle bem que poderia trazer o Surpresa de volta! Eu adorava tb esse suquinho da embalagem de plástico, o Dip n’ Lik, a bala soft, o pirocóptero… Tempo bom!

  7. Renato de Almeida comentou em 11/06/2011:

    Eu nasci no finalzinho da década, em 1987, mas tive oportunidade de degustar todas estas guloseimas bizarras. O suco em forma de carrinho, por exemplo, fazia sucesso em feiras, acompanhado de pastel, rs.

  8. Carol Baggio comentou em 11/06/2011:

    Eu morria de dó de comer o chocolate Surpresa! Ia mordendo pelos cantos, só pra contornar o relevo do animal! Q tempo bom!!! Uma delícia relembrar os doces – memória de uma infância feliz!! Parabéns pela seleção das guloseimas!

  9. Lili comentou em 11/06/2011:

    só faltou o chocolate da turma da mônica que vinha sempre com um personagem diferente em relevo e chocolate branco no meio. <3

  10. Sylvio Micelli comentou em 12/06/2011:

    Fantástico!

  11. Nina comentou em 15/06/2011:

    Muito bom…mas faltou o puxe pop!!!

  12. Débora comentou em 19/06/2011:

    Ai que ótimo!!!Além do Dadinho,será que encontro algum desses para comprar?

  13. Lorenna comentou em 23/06/2011:

    E eu que gostava do bombom do Fofão? Comprava de sacos… Hoje não suporto. É ruim demais!!!

  14. Camila Nathany comentou em 23/06/2011:

    Pirocóptero
    Suco em formato de Fusca, frutas, revólver…
    Dip n’ lik
    Dadinho
    Tenho 17 anos e uns tempos atras ainda existia esses doces.
    E talvez ainda exista.

  15. Maria comentou em 24/06/2011:

    Sou de 83, provei todas essas especiarias e fiquei com um sorriso enorme no rosto quando entrei em uma loja esses dias e me deparei com uma caixa de Dip n´lik. Não quando recomeçaram a fabricar, porque não via desses a venda pelo menos desde 93.

  16. rosi comentou em 28/06/2011:

    que saudade da bala BANDA, PAÇOCA DE CHOCOLATE, FLUMELO CARAMELO ,SOFT , DR
    OPS DULCORA ,KRI, PORQUE NÃO VOLTAM A FABRICAR SERIA SUCESSO DE VENDAS.
    E ATÉ OAS SERIEIS DE DESENHOS COMO O TOPO GIGIO SERIA NOVIDADES HOJE

  17. Vitkor comentou em 14/07/2011:

    Eu queria saber aonde vende as embalagens daqueles suquinhos em formas de frutas, carros, animais e etc.

  18. Danilo Faria comentou em 20/09/2011:

    Hoo Saudade.. faltou a melhor bala do mundo aí (bala zung!), dos Cavaleiros do Zodíaco, mas acho que faz parte dos anos 90 já..

  19. Cristiane comentou em 15/10/2011:

    Doces lembranças.

  20. Márcia Caria comentou em 15/10/2011:

    Amo o Dadinho… até hoje compro muitoooo. E é claro chocolate Surpresa e a bala Soft… Doces que marcaram um doce pedaço da minha vida…

  21. Faby nascimento comentou em 15/10/2011:

    Me deliciava com os doces!! Só faltou o suco de “saquinho”!

  22. Sandro Higa comentou em 16/10/2011:

    Da proxima vez nao esqueca das Balas Banda

  23. Rose Meusburger comentou em 22/10/2011:

    Tem doce nessa lista que é muuuuuito mais antigo….. Gente – garanto que já era viciada em “dadinho” nos anos 70 e o Minichiclete idem….O cigarrinho de chocolate é mais antigo ainda. Nos anos 60 eu já curtia um “barato” com eles…..

  24. catia comentou em 06/11/2011:

    Adoro td isso tenho 37 anos sempre mostro aos meus filhos (Matheus 14 e Manuella de 11) os doces, os desenhos, as musicas de comercias tanto da tv quanto do radio, os melhores hits da decada e sabem como eles reagem? Ficam facinados ,minha filha vive cantarolando todas as musicas que eu mostro a ela. Saudades de td isso

Comentar sobre "Dez doces que marcaram os anos 80"





Publicidade

Publicidade

Publicidade