Senado aprova medida que recolhe impostos de serviços como Netflix e Spotify

Foi aprovado pelo no Senado nesta quarta (14) um projeto de lei que altera a cobrança do ISS (Imposto sobre Serviços). Na prática, a proposta permite que serviços como Netflix, Spotify e o recém-lançado Amazon Prime sejam taxados pelos municípios. + WhatsApp libera chamadas em vídeo para todos os usuários do serviço O projeto prevê que […]

netf

Foi aprovado pelo no Senado nesta quarta (14) um projeto de lei que altera a cobrança do ISS (Imposto sobre Serviços). Na prática, a proposta permite que serviços como Netflix, Spotify e o recém-lançado Amazon Prime sejam taxados pelos municípios.

+ WhatsApp libera chamadas em vídeo para todos os usuários do serviço

O projeto prevê que a “disponibilização, sem cessão definitiva, de conteúdos de áudio, vídeo, imagem e texto por meio da internet” pagarão alíquota de ao menos 2% pelo ISS. Jornais e livros online, no entanto, estão livres do imposto. Caso seja aprovada por Michel Temer, a proposta deve entrar em vigor no prazo de 90 dias.

Nenhuma dessas empresas pagava o ISS até então. A partir de agora, as operações podem ser tributadas conforme o domicílio do cliente, e não no local sede da empresa. O imposto beneficia os municípios e tem por objetivo pôr fim à guerra fiscal entre eles.

(com Estadão Conteúdo)

 

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s