Revista Recreio – diversão por gerações

A publicação mais querida das crianças há quase cinco décadas

Há quase cinquenta anos sintonizada com o seu público-alvo, a revista Recreio vem fazendo parte da vida de crianças e pré-adolescentes desde o final dos anos 60.

Publicada pela primeira vez em maio de 1969, toda semana a Recreio trazia artigos interessantes para crianças, atividades diversas e também um brinde, geralmente algum encarte para ser destacado e recortado para montar. A publicação durou 12 anos, sendo editada até 1981, mantendo sua linha gráfica durante todo o período em que esteve ativa. Durante esta fase, ela era conhecida com “a revista brinquedo”.

Primeira fase da revista (Divulgação/Veja SP)

 

Em 2000, com uma faceta mais moderna e acompanhando o ritmo da internet que já começava a se popularizar no Brasil, a Recreio voltou às bancas. Percebe-se pelos assuntos abordados e pela linguagem mais dinâmica que a revista evoluiu junto com as crianças, acompanhando o ritmo frenético e mais descolado do século XXI.

Da mesma forma que evoluiu graficamente, a revista também deu um upgrade nos brindes que a acompanhavam. As coleções de brinquedos e livros fizeram enorme sucesso e garantiram a sobrevivência da revista. As mais lembradas são: Letronix, Numerix, MegaLetronix, RockAnimal, Circomix, Dino Mania, Robits, DinoRock, Cyberbots, Galácticos, Megaferas, Insectron, Reino dos Dragões, Desafio Alien e Missão Mitologia, entre outras.

Nova Recreio, a partir do ano 2000 (Divulgação/Veja SP)

 

Desde 2016, a publicação está em nova fase, agora editada pela Editora Caras. Ela tem seu próprio website, sempre atualizado com atividades e curiosidades, e também tem a participação dos leitores, que enviam vídeos. A Recreio continua um grande sucesso entre as crianças de 6 a 12 anos, e mais antenada do que nunca com a nova geração. Ela soube explorar muito bem e acompanhar de perto a evolução do seu público.

Fase mais recente da revista (Divulgação/Veja SP)

 

 

Comercial da revista nos anos 70:

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s