Dez quadros do Programa Silvio Santos que marcaram época

Atrações que fazem parte da história da televisão brasileira

Se a longa jornada da TV brasileira pudesse ser resumida em apenas um nome próprio, este seria Silvio Santos. No ar há mais de cinquenta anos, e ainda uma das maiores audiências do país, o ex-camelô e ex-apresentador de circo é um dos mais respeitados comunicadores que o Brasil já teve, e ainda hoje consegue prender a atenção de sua plateia como poucos.

Em 1960, Silvio apresentava na TV Paulista um programa chamado Vamos Brincar de Forca. Seu carisma e desenvoltura garantiram o sucesso, a ponto de, três anos depois, o programa mudar de nome para Programa Silvio Santos, que permanece até hoje. Quando Roberto Marinho comprou a TV Paulista, incorporando-a à Rede Globo, Silvio continuou com o seu programa, e se tornou líder de audiência em 1969. Nos anos 70, ele se transferiu para a Tupi, e por um período de tempo, era transmitido também pela Record, já que Silvio tinha adquirido parte daquela emissora. E no final dos anos 70, finalmente conseguiu seu próprio canal, primeiro no Rio, a TVS Canal 11, e em seguida também no resto do Brasil, formando o SBT.

Durante os 54 anos de existência do Programa Silvio Santos, diversos quadros entraram para a história da atração. Se perguntarmos a alguém o que se lembra dos antigos programas do Silvio, certamente alguém vai mencionar a cabine à prova de som onde uma criança gritava “SIIIMMM” ou “NÃÃÃÃOOO” quando perguntada se trocaria uma bicicleta por uma casca de banana. Ou a musiquinha que chamava os jurados no Show de Calouros… “Gilmara Sanches, é coisa nossa!”. Ou ainda a expressão de felicidade de alguém quando via que seu sonho havia sido atendido, após se abrirem as Portas da Esperança.

Entre dezenas de quadros memoráveis do Programa Silvio Santos, relembre alguns que fizeram história. Se não se lembrar de algum, não se preocupe, talvez você nem fosse nascido naquela época!

 

• Domingo no Parque
Entre 1977 e 1988, o quadro era uma competição entre escolas, que tinha o cenário de um parque infantil. Era o primeiro quadro do programa, e ia ao ar ainda pela manhã, aos domingos.
Abertura do programa:

 

• Boa Noite, Cinderela
Nos anos 70, Silvio mostrava três meninas de famílias humildes, e conversava com elas para saber seus maiores desejos. Todas ganhavam o que pediam, mas a menina eleita Cinderela também ganhava outros brinquedos e eletrodomésticos para a casa.
Trecho do quadro em 1977:

 

• Qual é a Música
Levado ao ar a partir de 1976 até 1991, o programa reunia personalidades da televisão e do disco, num game show para testar os conhecimentos musicais de cada um em uma série de provas. Em 1999, uma nova versão foi apresentada, que durou até 2008.
Trecho do quadro de 1986:

 

• Cidade Contra Cidade
Fez parte do programa Silvio Santos entre 1968 e 1971, voltando depois entre 1977 e 1980. Era uma competição de provas variadas entre duas cidades, normalmente pequenas cidades do interior, com uma premiação social: a vencedora ganhava uma ambulância zero quilômetro. Sérgio Mallandro e Xuxa participaram do quadro em 1979, antes de se tornarem famosos.
Trecho do quadro em 1979:

 

• Show de Calouros
Um dos quadros mais lembrados e de maior duração do programa, principalmente por causa dos seus jurados, sempre personagens marcantes para o público. Pela bancada passaram diversas figuras do rádio, TV e jornalismo de suas épocas. José Fernandes, o lendário jurado que dava nota zero pra todo mundo, Elke Maravilha, a queridinha do público, Pedro de Lara e seus lírios, Aracy de Almeida e os “dez paus” são os mais lembrados.
Abertura do quadro:

 

• Namoro na TV
Começou no final dos anos 70, onde solteiros se inscreviam para encontrar a cara-metade. Silvio depois entrevistava as pessoas com bom humor, tentando descobrir se rolava um clima entre os participantes. O quadro mudou de nome depois de algum tempo para Em Nome do Amor.
Trecho do quadro:

 

• Porta da Esperança
Exibido entre 1984 e 1996. O público mandava cartas ao programa contando suas necessidades ou desejos, e a produção convidava alguns para participar do quadro e tentar realizar o desejo pedido. Muitas vezes, as pessoas saíam de lá satisfeitas, mas em alguns casos, a produção não conseguia o que o espectador pedia, como reencontrar um parente, por exemplo.
Trecho do quadro:

 

• Arrisca Tudo
Programa de conhecimentos gerais do tipo Quiz Show, que dava ao vencedor um prêmio em dinheiro.
Abertura e trecho do quadro em 1976:

 

• Ela Disse Ele Disse
Brincadeira entre casais famosos. Silvio fazia perguntas a ambos, mas sem que o outro ouvisse a resposta do cônjuge. Quando as respostas coincidiam, o casal marcava pontos. Era uma das atrações mais queridas pelo público nos anos 70.
Trecho do quadro em 1975:

 

• Quem Sabe Mais, o Homem ou a Mulher?
Um casal de artistas era convidado para duelarem num programa de charadas e provas de conhecimentos gerais.
Abertura e trecho do programa:

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s