Um bom prato de massa por 10 reais

Contra a crise, Pastifício Primo baixa o preço de receita para quem quer comer ali mesmo

Desde que abriu o Pastifício Primo, em 2010, Ivan Bornes se apoia em uma fórmula simples e eficiente para fazer sucesso: massas de qualidade vendidas por preços bem razoáveis. E isso acontece tanto para levar como para comer ali mesmo.

Mas não só. Eventualmente, o proprietário deixa alguns itens ainda mais em conta. Quer um exemplo? O prato de penne com molho de tomate ou branco, servido já pronto junto de um pacotinho de queijo parmesão e de uma fatia de pão italiano, cujo preço regular é R$ 14,99, até o fim de fevereiro sai por R$ 10,00. Isso mesmo, dez reais.

Nessa fórmula do bom e barato, entram talheres descartáveis e pratos de bambu biodegradável. “A crise está afetando amigos, clientes, vizinhos e conhecidos, por isso queremos dar nosso apoio para enfrentar estes tempos de recessão”, diz Bornes. Simpático, não?

 

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s