Funcionários da CPTM encerram greve que paralisou linhas 7 e 10

Segundo o Sindicato dos Ferroviários, grupo decidiu retomar o trabalho após assembleia, mas não está de acordo com a oferta da companhia

Os funcionários que operam as linhas 7-Rubi e 10-Turquesa da CPTM decidiram encerrar a paralisação que acontece desde a meia-noite desta terça (11). As duas linhas afetadas têm circulação média de 780 000 passageiros por dia.

De acordo com o Sindicato dos Ferroviários, o grupo decidiu retomar o trabalho após uma assembleia, mas não aceita o acordo proposto pela CPTM e entrará com uma ação para cobrar a multa por atraso. Eles reivindicam o pagamento do Programa de Participação nos Resultados (PPR) de 2016.

A companhia não teria cumprido o último acordo sindical, sob o qual aceitou pagar a bonificação em uma única parcela no dia 31 de março. Alegando problemas financeiros, a CPTM liberou metade do valor na data e postergou o pagamento do restante para o dia 16 de junho, com valor corrigido pelo Índice de Preços ao Consumidor da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (IPC-Fipe) acumulado nos meses de abril e maio deste ano.

 

Veja também

(com informações de Estadão Conteúdo)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s