Esse gesto pode evitar brigas com vizinhos no caso de reformas

Gentileza gera gentileza

Quem nunca passou pelo desconforto de conviver com alguma reforma de vizinhos, que levante a mão. Mas não é preciso que o cenário seja sempre (tão) incômodo. 

Outro dia, durante um jantar, uma amiga comentava justamente uma situação que poderia ter sido extremamente desgastante, mas não foi. Anos atrás, muito próximo ao prédio em que ela mora, começou uma daquelas construções gigantes, o quarteirão inteiro. Ela soube que ali seria erguido um hotel. Logo no início das obras, recebeu em sua casa uma carta da gerência do tal hotel com uma caixa de bombons e as devidas desculpas pelos possíveis transtornos.

Ela soube depois que essa gentileza se estendeu a vários quarteirões do bairro. Não bastasse, na inauguração do estabelecimento, ela e seus vizinhos foram convidados para conhecer e jantar no novo empreendimento.

Por mais que ela tenha ouvido todo barulho que as construções normalmente fazem, por mais que houvesse, sim, um desconforto, ela disse que se incomodou muito menos depois que recebeu a carta e o mimo da gerência do negócio.

Essa delicadeza não poderia ser feita em escala menor, em relação à reforma da sua cozinha, que acaba de começar, por exemplo?

Veja também
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s