Tide Hellmeister

VejaSP
starsstarsstarsstarsstars

Resenha por Jonas Lopes

O paulistano
Tide Hellmeister (1942-2008) é mais conhecido
pela carreira nas artes gráficas. Passou por vários
veículos da imprensa, ganhou prêmios em bienais
de livros e ilustrou durante sete anos a célebre coluna
Diário da Corte, do jornalista Paulo Francis. Mas
o profissional foi também um pintor de qualidade e,
sobretudo, de originalidade marcante. No percurso
entre seu ateliê, na Praça da Árvore, e o trabalho, no
centro da cidade, costumava observar os passageiros
dos ônibus. Depois, pintava-os em forma de pitorescos
tipos fictícios. Hellmeister chegava a criar biografias imaginárias e dava nomes aos personagens,
a exemplo de Assumpta de Carvalho Rosa e Benjamim
Castrado Cunha. A mostra Brava Gente reúne
58 telas dessa série de figuras curiosas, além de duas
obras tridimensionais. A montagem apresenta ainda
seis histórias escritas pelo próprio artista sobre suas
criações — o espectador pode ouvi-las por meio de
telefones antigos.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s