Recorte Transversal

VejaSP
starsstarsstarsstarsstars

Resenha por Jonas Lopes

Prestes a completar dois anos de atividade na Barra Funda, a Transversal preparou uma novidade para o público paulistano: uma nova sede, na Vila Madalena. A mostra de estreia reúne dezoito dos vinte artistas representados pela galeria. Chama atenção o elenco de pintores. Fábio Miguez e Paulo Monteiro, integrantes do grupo Casa 7 e egressos da geração que retomou o pincel na década de 80, dividem espaço com os jovens talentos Ana Prata, de pegada mais figurativa, e Felipe Góes, dedicado à abstração. Ainda no território das telas, vale a pena apreciar os alemães Norbert Schwontkowski e Marlon Wobst. A gravura aparece em obras do experiente Claudio Mubarac e da revelação Fabrício Lopez, de Santos, especialista em painéis enormes de xilogravura. Preços não fornecidos. De 15/03/2013 a 28/03/2013.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s